Polícia Civil identifica suspeito de assassinato de jovem em Campo Mourão

A Polícia Civil já identificou o suspeito de ter assassinado o jovem Anderson da Silva Pereira, 25 anos, encontrado morto na noite dessa segunda-feira, nos fundos de uma residência, na rua Nossa Senhora Aparecida, no jardim Pio XII.

O suspeito teria 44 anos e havia saído recentemente da cadeia. Ele ainda estaria usando tornozeleira eletrônica, segundo a Polícia Civil. Os policiais foram até o endereço dele, mas não o encontraram.

A Polícia Civil constatou que o endereço onde o corpo foi encontrado é conhecido no meio policial, onde vários jovens usam a casa para vender e consumir drogas. Ainda segundo a Polícia Civil, na casa morava apenas uma mulher. Ela fazia programas sexuais em troca de entorpecentes.

O investigador da equipe de Homicídios, da 16ª Subdivisão Policial. após as primeiras diligências no local do crime, chegou ao possível assassino. Testemunhas relataram que na noite de sábado ocorreu uma briga entre dois rapazes no interior da casa.

A motivação ainda está sendo apurada pelas equipes de Investigadores da 16ª SDP.  O corpo, já em estado de putrefação, foi encaminhado ao IML para autópsia.

O crime

O jovem identificado por Anderson da Silva Pereira, 19 anos, foi encontrado morto no início da noite desta segunda-feira, em Campo Mourão. O corpo, já em estado de putrefação, estava nos fundos de uma residência, na rua Nossa Senhora Aparecida, no jardim Pio XII.

A Polícia Militar foi acionada e ao chegar ao local, encontrou pedaços de tijolos e um vaso sanitário, materiais que podem ter sido usados para matar o rapaz, que apresentava ferimentos graves na região da face.

O corpo foi encaminhado ao IML para autópsia.

Texto : Tá Sabendo

Fotos: Paulo Cassiano Campo Mourão e região em Foco

Polícia

Envie sugestões de Pautas ou Fotos, para o nosso Whatsapp que a nossa equipe irá atender você. Clicando Aqui

Inicio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *