Após morte de policiais, DER sinaliza fim de asfalto na Estrada Boiadeira, em Umuarama


Carro descaracterizado da PM capotou no trecho, na segunda-feira (11), matando dois agentes que retornavam de uma investigação.
O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) sinalizou o trecho onde termina o asfalto na Estrada Boiadeira, em Umuarama, na região noroeste do Paraná. A placa que informa as condições da rodovia foi instalada após um acidente que causou a morte de dois policiais.

Ramon Pastori Goulart, de 27 anos, e Fabiano Sobrinho, de 30 anos, estavam retornando de uma investigação quando se envolveram em um capotamento com um carro descaracterizado, na BR-487, na segunda-feira (11).

A Polícia Militar informou que o soldado que conduzia o veículo perdeu o controle da direção no trecho em que o asfalto termina.

O DER disse que o capotamento foi registrado entre o fim do lote 1 e o começo do lote 2 das obras na estrada.

Segundo o departamento, as obras de pavimentação do lote 1 foram concluídas recentemente. Nos últimos dias, foram feitos os serviços de sinalização vertical e de melhorias ambientais.

O governo do estado prevê a pavimentação do lote 2 em breve.
O acidente

Os soldados Ramon Pastori Goulart e Fabiano Sobrinho atuavam nos setor de inteligência do 25º Batalhão de Polícia Militar (BPM).

O corpo de Fabiano Sobrinho foi sepultado no fim da manhã de quarta-feira (13), em Goioerê, também no noroeste do estado. Amigos e familiares acompanharam as últimas homenagens.
Já o corpo de Ramon Pastori Goulart foi enterrado no cemitério de Iporã, no noroeste, no início da manhã de quarta. Colegas da polícia também participaram da cerimônia.

O comando da PM lamentou a morte dos policiais e prestou solidariedade aos amigos e familiares. O 25º Batalhão também enalteceu o trabalho dos soldados, afirmando que ambos eram queridos pelos colegas da polícia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.