Grávida é executada com mais de 20 tiros enquanto comemorava o aniversário com amiga.

A jovem Hevelyn Ferraz, de 24 anos, foi morta com mais de 20 tiros na noite desta quinta-feira (8) enquanto comemorava seu aniversário na casa de uma amiga, na no bairro Nova Serrinha, em Balsa Nova, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Hevelyn estava grávida de 7 meses de seu terceiro filho e foi executada quando revelava o sexo do bebê para a amiga.

De acordo com testemunhas, o crime foi cometido por quatro homens armados que invadiram a residência e executaram a jovem. Ela havia se mudado recentemente para um imóvel localizado a cerca de 50 metros do local do crime.

Para o tenente Filtrin, da Polícia Militar (PM), é possível que os atiradores tenham vindo ao local com a intenção de executar a mulher, que havia se mudado recentemente de Campo Largo, em RMC. No momento do crime, além da amiga, outras três crianças estavam na casa.

Hevelyn morava sozinha com os dois filhos, e possuía passagens pela polícia. Seu marido está preso.

Sua residência havia sido invadida na quarta-feira (7), porém ainda não é possível afirmar que os invasores teriam sido as mesmas pessoas que assassinaram a jovem nesta quinta (8).

Socorristas do Siate (Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência) se deslocaram até o local para atender a jovem, porém somente constataram o óbito. A Polícia Militar foi acionada e isolou o local até a chegada dos peritos da Criminalística da Polícia Civil e do IML (Instituto Médico Legal) que recolheu o corpo da jovem.

A Polícia Civil investigará o caso.

via: Obemdito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.