Marcado o júri dos acusados pela morte de Kawany e Rubens, de Goioerê.

O despacho foi proferido pelo juiz Christian Palharini Martins, da Comarca de Goioerê, nessa quarta-feira (20). O julgamento foi marcado para o dia 16 de setembro de 2022, no Tribunal do Júri de Goioerê.
O processo acusa cinco réus pelo crime de homicídio qualificado, um dos acusados morreu após sofrer uma parada cardiorrespiratória enquanto estava preso na Penitenciária Estadual de Cruzeiro do Oeste.
Kawany Machado e Rubens Bigueti Junior desapareceram na noite de 3 de agosto de 2020, em Goioerê. O filho do casal, na época com apenas quatro meses de idade, foi encontrado abandonado numa calçada de uma residência no Jd Curitiba.. No dia seguinte, o carro de Kawany e Rubens foi localizado queimado na área rural de Moreira Sales.

Três meses após o desaparecimento, a Polícia Civil concluiu o inquérito. A denúncia do Ministério Público diz que a motivação para o crime foi torpe, porque os denunciados presumiam que as vítimas tinham delatado o tráfico de drogas que havia no endereço de uma das encontrados.

Informações: Goioerê é Assim – CBN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.