Paraná

Criança de 1 ano morre após ser vítima de estupro e padrasto vai preso no Paraná

Mãe teria deixado a criança com o homem para ir trabalhar

Padrasto de 27 anos foi preso sendo o principal suspeito de estuprar uma criança de 1 ano, neste domingo (26) em Castro.

De acordo com a Polícia Civil, a mãe da vítima teria deixado a criança sob a responsabilidade do padrasto para ir trabalhar, na manhã deste domingo (26).

A delegada da PCPR Renata Batista, responsável pela investigação, explica que os policiais militares foram acionados para dar atendimento a uma ocorrência de estupro de vulnerável de uma criança, que deu entrada na UPA (Unidade de Pronto Atendimento), com insuficiência respiratória, vítima levada pelo padrasto e uma mulher identificada como madrinha do suspeito. Após 45 minutos de manobras de reanimação, a criança morreu.

A princípio, foram constatadas lesões nas regiões íntimas da vítima, vários hematomas pelo corpo com colorações diversas, além de marcas sugestivas de asfixia mecânica. O corpo da vítima foi encaminhado até a Polícia Científica, para a análise detalhada e busca de vestígios, e para a confirmação da causa da morte.

O homem foi presa e encaminhado até a 43ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Castro, onde foi autuado em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável qualificado pelo resultado morte.

Redação Catve

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *