GoioerêRegião

JOVEM DE 19 ANOS É MORTA A GOLPES DE FACA NA REGIÃO DE GOIOERÊ

O crime ocorreu no fim da tarde desta segunda-feira, 20/05, por volta das 17h28, aos fundos de um estabelecimento comercial às margens da rodovia municipal Arlindo Orlandini, que liga a sede de Assis Chateaubriand ao patrimônio de Terra Nova do Piquiri. A jovem Maria Eduarda Ferreira, de 19 anos de idade, foi atingida por golpe de faca e morreu no local. Ciúmes pode ter motivado o homicídio.

Uma câmera de monitoramento do estabelecimento registrou o exato momento que a jovem Maria Eduarda Ferreira é atingida por golpes de arma branca, “faca”. Ela estava sentada ao redor de uma mesa na companhia de outras pessoas em um momento de descontração. De repente, de modo surpresa, chega uma mulher ao local, com moletom e capuz, e ataca Maria Eduarda pelas costas. Pelas imagens é possível ver que o primeiro golpe atinge a região do peito e uma segunda facada acerta as costas da mulher. Um homem tentou impedir a acusada de aplicar mais golpes, e ele caiu ao chão.

Depois de ser atingida, a vítima ainda conseguiu correr e chegar até a frente do comércio onde caiu e acabou morrendo.

De acordo com a Polícia Militar, com informações de populares, a vítima estava no local com um homem, momento em que a suposta esposa do masculino chegou já desferindo golpes com uma faca. Após ser atingida, a vítima teria corrido até a porta de entrada do estabelecimento onde caiu. No local não foi localizada a faca utilizada pela autora e, possivelmente, a mulher se evadiu em seu veículo após o crime.

A equipe do Samu foi acionada, mas nada pôde ser feito; a jovem morreu no local. As equipes das polícias Militar e Civil foram acionadas, bem como Criminalística e Instituto Médio Legal. O corpo de Maria Eduarda foi recolhido e encaminhado ao IML na cidade de Toledo, onde passará por exames de necropsia e posteriormente será liberado aos familiares para os atos fúnebres.

A partir de agora, a Polícia Civil passa a investigar o caso. Ainda não se tem informações sobre o paradeiro da acusada de cometer o crime.

31° Batalhão.

Por- NilsonHort/Alto Falante Notícia.

Via: Carlos Corujinha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *